mondelingegeskiedenis.blogspot.com

domingo, 12 de junho de 2011

Isaac Newton

 
Por: Alexandre Mendes

Dois amigos e o começar
sentados sob a copa de uma árvore
vendo o céu azul suave
e o sol a despontar
corre corre, correria
família, papelada
prova e monografia
encararam, na marra
Penso eu, pensa você
eles, também, assim pensaram
agora é mole, caminho largo
mas, na cabeça, eles tomaram
Sentados sob a copa de uma árvore
desfolhada pelo tempo
puseram as contas sobre o mármore:
Sonhos que voaram com o vento
Corremos, corremos
e acabamos por aqui
vendo o tempo passar
só nos resta sorrir...

2 comentários:

  1. Não podemos deixar os sonhos voarem com o vento. É preciso agarrar o presente e beijá-lo com a doçura de viver o dia hoje, para disfarçar a ansiedade de quem espera o amanhã....
    Belo texto!

    ResponderExcluir

Deixe aqui o seu comentário